Um site onde a alma de uma mulher aflora e despe-se

LÍQUIDO

LÍQUIDO

lesbian_kiss_by_robert80x-d4w6mss 
 
Teu beijo é tanto,
é tamanho,
que nele me dispo,
me banho,
me adoço.
0482
Deixo no pescoço
uma gota ativa
pra te manter molhado
enquanto posso.
Essa umidade me conserva viva.
 
Flora Figueiredo

Volta

Volta.
 5
Porque te quero sugar a ebulição
 e a efervecência.
Porque preciso denegrir a tua ausência.
sultileza
Volta.
Porque o espaço oco permanece
sem teu espasmo louco.
nymph_stock_3_by_lockstock
Porque a vida desleixa e desmerece.
Porque falta seiva à flor
que oscila e pasma
e tomba a graça insana que se rasga.
xldli5xmz4l
Volta.
Para vestir a alma rala e nua,
assumir o êxtase,
renovar o sangue.

SONY DSC

Volta, que me preciso tua.
 
Flora Figueiredo

Minha culpa

Minha culpa

233415_main

Sei lá! Sei lá! Eu sei lá bem
Quem sou? Um fogo-fátuo, uma miragem…
Sou um reflexo… um canto de paisagem
Ou apenas cenário! Um vaivém

227556

Como a sorte: hoje aqui, depois além!
Sei lá quem sou? Sei lá! Sou a roupagem
De um doido que partiu numa romagem
E nunca mais voltou! Eu sei lá quem!…

4527856_large

Sou um verme que um dia quis ser astro…
Uma estátua truncada de alabastro..
Uma chaga sangrenta do Senhor…

4224035

Sei lá quem sou?! Sei lá! Cumprindo os fados,
Num mundo de maldades e pecados,
Sou mais um mau, sou mais um pecador…

165258

Florbela Espanca

Mais Alto

Mais Alto
Mais alto, sim! Mais alto!
A Intangível Turris Ebúrnea
erguida nos espaços, 02 Mais alto, sim! mais alto, mais além
Do sonho, onde morar a dor da vida,
Até sair de mim! Ser a Perdida,
A que se não encontra! Aquela a quem 46d12faabf1f6 O mundo nao conhece por
Alguém! Ser orgulho, ser águia na subida
, Até chegar a ser, entontecida,
Aquela que sonhou o meu desdém! 2371405 A rutilante luz
dum impossível! 2330200 Mais alto, sim! Mais alto!
Onde couber
O mal da vida dentro dos meus braços,
Dos meus divinos braços de Mulher! 2150653 Florbela Espanca

Eu não sou de ninguém

i_give_you_my__by_annesun-d5g8s7p

“Eu não sou de ninguém!… Quem me quiser
Há-de ser luz do Sol em tardes quentes;
Nos olhos de água clara há-de trazer
As fúlgidas pupilas dos videntes!

818c2e240964f4651ee889b37db7972f

Há-de ser seiva no botão repleto,
Voz no murmúrio do pequeno insecto,
Vento que enfurna as velas sobre os mastros!…

14866205_BszsZ

Há-de ser Outro e Outro num momento!
Força viva, brutal, em movimento,
Astro arrastando catadupas de astros!”

bfe8c022

Florbela Espanca

Angústia

Angústia

Mulher_sonhando_o_amor_2
“Tortura do pensar! Triste lamento!
Quem nos dera calar a tua voz!
Quem nos dera cá dentro, muito a sós,
Estrangular a hidra num momento!

466b68684aa26

E não se quer pensar! … e o pensamento
Sempre a morder-nos bem, dentro de nós …
Querer apagar no céu – ó sonho atroz! –
O brilho duma estrela, com o vento! …

1381554_351363411665784_1552525115_n

E não se apaga, não … nada se apaga!
Vem sempre rastejando como a vaga …
Vem sempre perguntando: “O que te resta? …”

aaao

Ah! não ser mais que o vago, o infinito!
Ser pedaço de gelo, ser granito,
Ser rugido de tigre na floresta!”

Florbela Espanca

Ó eleita

Sempre que vens
Ó eleita

Copyrighted_Image_Reuse_Prohibited_603061
Fazendo roçar as pérolas
E os mamilos

48213
Pelos meus fatigados ombros
Caminho devagar

2447506
Em tua púbis de Afrodite
E sei que é chegada a hora

108968
De ir morrer
Na enseada.

x_bf6d72d6

Célia Moura

Você não sabe

Você não sabe

1323792852_chero_14

Você não sabe quanta coisa eu faria
Além do que já fiz
Você não sabe até onde eu chegaria
Pra te fazer feliz
image_13

Eu chegaria
Onde só chegam os pensamentos
Encontraria uma palavra que não existe
Pra te dizer nesse meu verso quase triste
Como é grande o meu amor

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

 

Você não sabe que os anseios do seu coração
São muito mais pra mim
Do que as razões que eu tenha
Pra dizer que não
E eu sempre digo sim
E ainda que a realidade me limite
A fantasia dos meus sonhos me permite
Que eu faça mais do que as loucuras
Que já fiz pra te fazer feliz

lilac_tales_again__by_rachelemays-d51j98c

 

Você só sabe
Que eu te amo tanto
Mas na verdade
Meu amor não sabe o quanto
E se soubesse iria compreender
Razões que só quem ama assim pode entender

27963

 

Você não sabe quanta coisa eu faria
Por um sorriso seu
Você não sabe
Até onde chegaria
Amor igual ao meu

378933

 

Mas se preciso for
Eu faço muito mais
Mesmo que eu sofra
Ainda assim eu sou capaz
De muito mais
Do que as loucuras que já fiz
Pra te fazer feliz

 

4086765_large
Erasmo  Carlos- Roberto Carlos

 

MEMÓRIA

MEMÓRIA 

renaissance07_by_luchikk-d4hfsq6

Retenho com os meus dentes

a tua boca

entreaberta

e as palmas das mãos

dormentes

resvalam brandas e certas

657792

As tuas mãos no meu peito

e ao longo

das minhas pernas

437044

Maria Teresa Horta

Combinado

lima verde

Combinado

2531973

Toca-me mais.
Beba sem pressa…
Coma com fúria.
Atente-se aos detalhes:
Laços e fitas
Caras e bocas.
Desvende os olhares…

411025
Adivinhe o que eu nem sei o que quero.
Surpreenda.
Embriague-se um pouco…
Mas não fique bobo.
Proteja-me…

by Iluhin Yuri in photodom - 2371241 - us
Desgoverne meu reino
Bagunce minha ordem.
Viole meus segredos
E não tenha medo.
Eu não mordo!

2609645
Só um pouquinho…
Vale tentar…
Na próxima lua,
Eis a previsão:
Serei Toda Tua.

603166

Carolina Salcides

Ver o post original

BALADA DE SEMPRE

 

BALADA DE SEMPRE

754683

Espero a tua vinda
a tua vinda,
em dia de lua cheia.

576171

Debruço-me sobre a noite
a ver a lua a crescer, a crescer…

743250

Espero o momento da chegada
com os cansaços e os ardores de todas as chegadas…

a577989

Rasgarás nuvens de ruas densas,
Alagarás vielas de bêbados transformadores.
Saltarás ribeiros, mares, relevos…

677856
– A tua alma não morre
aos medos e às sombras!-

Bruno_Dayan_10

Mas…,
Enquanto deixo a janela aberta
para entrares,
o mar,
aí além,
sempre duvidoso,
desenha interrogações na areia molhada…

90015023762eb8832_49629_l

FERNANDO NAMORA

Quem te pudesse ver na intimidade

masquerade__by_m0thyyku

Quem te pudesse ver na intimidade
ondulando nas chamas do desejo,
podia ver aquilo que eu só vejo:
um diabo vicioso em liberdade.

the_wolf_girl_by_m0thart-d7zhk9j

E quem te vê, assim, em sociedade,
frágil e doce como é o poejo,
corando simplesmente com um beijo,
não poderá saber qual a verdade:

613789

se és uma, se és outra, se és nenhuma,
se tudo em ti é feito por medida,
se és talhada em basalto ou se és de espuma.

IMG_2184

Mas nem que nisso gaste toda a vida,
eu hei de descobrir-te. Ver-te, em suma,
na minha cama nua e não despida.

677856 (1)

Joaquim Pessoa

Por onde andamos?

174603

Por onde andamos
nós que raramente nos falamos?
Engolidos pela pressa
ou pela saga do compromisso?
O’Deus que maratona é essa?
tumblr_ndwfm9r2e01snhkxgo1_1280
 
Deixo um recado de saudade
para você pensar.
Por mais que a vida corra e o mundo agite,
por favor, acredite:
o nosso coração não muda de lugar.
 530930
O tempo e a distância
costumam nos arrastar.
É como se folhas de outono
se separassem pelo sopro de algum vento.
Mas nosso coração não muda de lugar.
a577989  
Conservo a mão estendida,
o peito aberto,
o ombro compreensivo,
o pensamento alerta.
A qualquer hora você pode me chamar.
O meu carinho permanece vivo.
É que o nosso coração não muda de lugar.

sabrina_vi_by_dannygoedicke-d47lprq 

Flora Figueiredo

Eu quero apenas amar-te lentamente

4cb2021a80b2b

Eu quero apenas amar-te lentamente

Como se todo o tempo fosse nosso

Como se todo o tempo fosse pouco

Como se nem sequer houvesse tempo.

800xz_96993eca

Joaquim Pessoa

 

 

SEMELHANÇAS

SEMELHANÇAS

2441357 
Somos a mistura proibida
por termos a essência parecida,
4808072-large
por pertencermos ao mesmo pecado
e nos confundirmos quando postos lado a lado.
251375
Mas, polos positivos
que se contatados
queimarão o que é direito
e se desmancharão.
661237
Números primos de perfeito resultado.
Somos só tendência,
programação.
185563
E esses desejos não resolvidos,
safados,
pulsantes,
bandidos,
vão se amadurando conosco a cada instante,
só nos tornando cada vez mais parecidos.
 2333064
Flora Figueiredo

Peço-te

Peço-te

700106

 

Peço-te que feches a cortina

e à sua sombra já estremeço nua

800x252

Vens-me cobrir o frio

com o teu calor

e à nossa roda já tudo flutua.

2 (2)

Maria Teresa Horta

Antes de amar-te……

361360

Antes de amar-te, amor, nada era meu

Workout_time_by_gregpuck

Vacilei pelas ruas e as coisas:
Nada contava nem tinha nome:
O mundo era do ar que esperava.

tumblr_mctd3j6VUM1qjdnyzo1_1280
E conheci salões cinzentos,
Túneis habitados pela lua,
Hangares cruéis que se despediam,
Perguntas que insistiam na areia.
Tudo estava vazio, morto e mudo,

rose_thorns_by_fhrankee-d3cqb4p
Caído, abandonado e decaído,
Tudo era inalienavelmente alheio,
Tudo era dos outros e de ninguém,
Até que tua beleza e tua pobreza
De dádivas encheram o outono.

— Pablo Neruda   

TODAS AS ÁGUAS

 

TODAS AS ÁGUAS

278604

Quando pensei que estava tudo cumprido

havia outra surpresa: mais uma curva

do rio, mais riso e mais pranto.

261252

Quando calculei que tudo estava pago,

anunciaram-se novas dívidas e juros,

o amor e o desafio.

4 (2)

Quando achei que estava serena,

os caminhos se espalmaram  como dedos de espanto

em Lya Luft

470884

E eu espio,

ainda que o olhar seja grande

e a fresta pequena.

2606077

Lya Luft

Amar por amar não posso

647166

Amar por amar não posso.
Amar por amar não sei.
Amar por amar não posso.
Amo aquilo só que é nosso
Amando à margem da lei.

150371

Amar por amar não posso
Amar por amar não sei.

150331

Ninguém me faça perguntas!
Trago o coração já frio…
Ninguém me faça perguntas,
Que as minhas lágrimas juntas
Davam para encher um rio!

sie_ist_idaho_346_by_photoscot-d47n0sq

As minhas lágrimas juntas
Davam para encher um rio!

4278154_large

Pedro Homem de Mello

Entre o luar e o arvoredo

Khoa_Bui_23

Entre o luar e o arvoredo,
Entre o desejo e não pensar
Meu ser secreto vai a medo
Entre o arvoredo e o luar.

teengirlcrazy-jktex-b043ce
Tudo é longínquo, tudo é enredo.
Tudo é não ter nem encontrar.

2608779
Entre o que a brisa traz e a hora,
Entre o que foi e o que a alma faz,
Meu ser oculto já não chora
Entre a hora e o que a brisa traz.

a577989
Tudo não foi, tudo se ignora.
Tudo em silêncio se desfaz.

lelyak_3_38

Fernando Pessoa

Quero saber

Quero saber
Olga_Dvadtsatova_30
Quero saber se você vem comigo
a não andar e não falar,
quero saber se ao fim alcançaremos
a incomunicação;

justperfect-d8nnq-9e7ad4

por fim
ir com alguém a ver o ar puro,
a luz listrada do mar de cada dia

530222
ou um objeto terrestre
e não ter nada que trocar
por fim, não introduzir mercadorias
como o faziam os colonizadores
trocando baralhinhos por silêncio.

Rylsky_11
Pago eu aqui por teu silêncio.

Damon-Loble-04
De acordo, eu te dou o meu
com uma condição: não nos compreender

frostbite_by_evalynn_rose-d4ejirp

Pablo Neruda

Quem sabe…

Quem sabe…

385089

Não sei se viro menina,

se viro mãe,

se viro todas.
Se viro artista,

se viro vento ou viajante. 

konstantin-razumov-13
Se viro santa ou viro doida. 
Quem sabe viro onça,

image-050A_4F97FCE5

viro a mesa ou viro o jogo,

viro a página,

viro a vida do avesso e viro outras.
Sim, eu me viro.

1615872

– Yohana Sanfer.

Poeminha amoroso

Poeminha amoroso –

5a5f731d7176d5d77cecf3f7dab37799-d82e7i7 
Este é um poema de amor
tão meigo, tão terno, tão teu…
255780_0
É uma oferenda aos teus momentos
de luta e de brisa e de céu…
606499
E eu,
quero te servir a poesia
numa concha azul do mar
ou numa cesta de flores do campo.
 580869
Talvez tu possas entender o meu amor.
Mas se isso não acontecer,
não importa.
a558909
Já está declarado e estampado
nas linhas e entrelinhas
deste pequeno poema,
o verso;
2447637
o tão famoso e inesperado verso que
te deixará pasmo, surpreso, perplexo…
“eu te amo, perdoa-me, eu te amo…”
aaao
Cora Coralina

LUXÚRIA MAIOR

LUXÚRIA MAIOR

784010

Faço amor com o tempo
E me engravido do futuro.
 motherland_chronicles__49_by_zemotion-d77smwo
Pouco importa
O dia seja escuro
E as verdades, invisíveis.
638380 
É no gozo do agora,
No alagar
174759
No contrair involuntário
Do ventre,
Que faço nascer,
Segundo a segundo,
Um novo amanhecer
Dentro em mim.
64702
 
NARA RÚBIA RIBEIRO

Quem te pudesse ver na intimidade

____by_fabriziamiliaphotos-d62di84

Quem te pudesse ver na intimidade
ondulando nas chamas do desejo,
podia ver aquilo que eu só vejo:
um diabo vicioso em liberdade.

motherland_chronicles__46___the_seer_by_zemotion-d70ni43

E quem te vê, assim, em sociedade,
frágil e doce como é o poejo,
corando simplesmente com um beijo,
não poderá saber qual a verdade:

motherland_chronicles__48___the_keeper_by_zemotion-d750re3

se és uma, se és outra, se és nenhuma,
se tudo em ti é feito por medida,
se és talhada em basalto ou se és de espuma.

motherland_chronicles__50___eurydice_by_zemotion-d7a5m9e

Mas nem que nisso gaste toda a vida,
eu hei de descobrir-te.

motherland_chronicles__52_by_zemotion-d83jaux

Ver-te, em suma,
na minha cama nua e não despida.

the_pink_flower_by_fabriziamiliaphotos-d65wyl8

Joaquim Pessoa

Sorri

Sorri

beautiful_smile_01

Sorri quando a dor te torturar
E a saudade atormentar
Os teus dias tristonhos vazios

beautiful_smile_14

Sorri quando tudo terminar
Quando nada mais restar
Do teu sonho encantador

666358

Sorri quando o sol perder a luz
E sentires uma cruz
Nos teus ombros cansados doridos

pic_10020097_0632682

Sorri vai mentindo a sua dor
E ao notar que tu sorris
Todo mundo irá supor
Que és feliz

669782

Charles Chaplin

ODES MINIMAS

ODES MINIMAS

95b728d9225c4bace397cf9e4e482cff-d4dsxwg

Demora-te sobre minha hora.

Antes de me tomar, demora.

4 (2)

Que tu me percorras cuidadosa, etérea

Que eu te conheça lícita, terrena

Duas fortes mulheres

Na sua dura hora.

661237

Que me tomes sem pena

Mas, voluptuosa, eterna,

Como as fêmeas da Terra.

f199a73572e94db9502e9eaa3a9abd20-d56d98t

E a ti, te conhecendo,

Que eu me faça carne

E posse

thumb_2569585

Como fazem os homens.

Hilda Hilst

MINHA ESTUPIDEZ

  • MINHA ESTUPIDEZ
  • 104154081_large_5355213_1354041343_013
  • Você me conserta,
  • me alerta emboscadas,
  • refaz os meus estragos,
  • afaga minha estupidez,
  • os percalços de mim.
  • 3b31172910eddf2ce20fc8a2f1b87ca1
  • Mostra de onde vim,
  • os endereços pra seguir.
  • Você me dá vida, dádiva que fica,
  • me encoraja, me intensifica,
  • faz mágicas pra eu sorrir,
  • me rarifica.
  • 428eb64173f82e51d1cd02329366ee5b
  • Tolera o que mostro
  • na minha cicatriz,
  • justifica eu ter poesias,
  • ter do que ser feliz.
  • a7893d46c08457f5d1c365f78a2825bd
  • Você me dá sonho,
  • chove quando eu seco,
  • irriga meus hemisférios,
  • atenua minha insensatez
  • 666358
  • me sua no seu corpo
  • mima minha sina,
  • me cria em teu bolero,
  • me motiva a viver,
  • 6_10
  • aceita eu ser sem rumo,
  • não saber o que quero,
  • abre minhas janelas
  • conhece meus porões
  • varre os meus quintais.
  • Marcos tavares

Vitrine da LUA

Há sem dúvida quem ame o infinito


“Há sem dúvida quem ame o infinito,
Há sem dúvida quem deseje o impossível,
Há sem dúvida quem não queira nada —
Três tipos de idealistas, e eu nenhum deles:

beach_096_mini_by_littleflair-d7dlw0d
Porque eu amo infinitamente o finito,
Porque eu desejo impossivelmente o possível,
Porque quero tudo, ou um pouco mais, se puder ser,
Ou até se não puder ser…”

Álvaro de Campos, Heterónimo de Fernando Pessoa

in_dreams_by_naceal-d7yef2l

Ver o post original

coração

Coração

166020

Quando a ternura
parece já do seu ofício fatigada,

431005

e o sono, a mais incerta barca,
inda demora,

quando azuis irrompem
os teus olhos

e procuram

nos meus navegação segura,

alone_in_the_dark_by_klapouch-d812tfv (1)

é que eu te falo das palavras
desamparadas e desertas,

pelo silêncio fascinadas.

here__there_and_everywhere_by_klapouch-d7mqmfv

Eugénio de Andrade

PEDAÇOS PRA VOCÊ JUNTAR

384708 
Não me olhe assim, eu desmancho,
viro pedaços para você juntar.
1300137997_0-22
Já não sei mais
olhar o mundo lá fora,
é inútil partir, sair agora,
desistir sem poder lutar,
não tenho mais onde existir,
a não ser morando em ti.
i_need_your_warmth_by_stefangrosjean-d7yn6za
 
Eu tentei esconder, dizer que não
que não era tanto assim
 835f414a8caea528a77d9b13ea3c8c6e27660017_m
que você não era
tudo em mim,
que era só
um coração atordoado,
mas era sim…
um olhar que a todo instante
se refazia de ti.
4656924_large
 
Eu não vou sem permissão,
sem o coração deixar,
580869
deixa ao menos tentar,
não se importe se eu falhar
me mostre apenas
o que sobrar de mim
e uma porta pra sair.
 db2660f8994096f533ee299247bbd8dc
M. T.

JEITO BOBO DE AMAR

530222

Sempre fui assim, singular,

com um jeito bobo de amar.

Sem habilidade para sonhar.

Workout_time_by_gregpuck

Tenho sapatos pra dançar

e uma certeza na valsa:

Vivo só.

410293

Sempre fui assim, fácil de chorar,

com um encanto matinal no espelho,

que me faz pensar ser atriz

e prosseguir descalça.

426784

Coisa doida de entender!

Ter vontade de fingir ser feliz:

Sendo só.

NataliaKaylee_Intimate_177_by_photoscot

Sempre morei sem mim,

vestida de chuva,

hóspede de um inverno triste,

vida dura de passar!

it_felt_like_a_dream_by_micmojo

Uma vontade de esquecer seu nome

não mais existir,

me esparramar no capim:

Seguir só.

371057

Marcos tavares

O vento…

O vento…

a19616

O vento anda ficando mentiroso:

prometeu trazer você, não trouxe,

de dizer o porque, não disse;

474900

esperou que eu me distraísse,

passou com pressa, rumo ao horizonte.

a63284

Já não tem importância que cometa

outra vez um ato de inconstância.

Aprendi a esperar.

a00888

Se ventos são capaze de levar embora,

a qualquer hora também são

capazes de fazer voltar.

2440687

 

Florbela Espanca.

COLADAS…

COLADAS…

568093

Imensidade d’almas em corpos
Nus em grades fatias digitadas
Monarca meu em janelas todas
Julgados amantes ofício amoroso

558911

Asas da liberdade soluçam em copas
Acaso supremo castigo prisão riscada
Balanço dos cabelos assustados ao vento
Induz felicidade premiada de tantos cassinos

747414

Rubro do coral envolvente em beijos ariscos
Engrandece o destino pretensiosa antítese
Seladas mãos em prece impura dos amantes
Projetados humores  Amada Deusa Lua Minguante

417794

Ela me fascina e me ensina de tantas fases
Excede a mente aparente sensata e harmoniosa
Sem beira e sem porto iremos ao fim do mundo
Abastecer a paixão e arrefecer ânimo à vida normal…

436973

Luiza De Marillac 

Para ti

Para ti

224912

Foi para ti
que desfolhei a chuva
para ti soltei o perfume da terra
toquei no nada
e para ti foi tudo

2391475

Para ti criei todas as palavras
e todas me faltaram
no minuto em que falhei
o sabor do sempre

0824ab18972bd407b8c1b2297b899e510eb309db

Para ti dei voz
às minhas mãos
abri os gomos do tempo
assaltei o mundo
e pensei que tudo estava em nós
nesse doce engano
de tudo sermos donos

962bd40735fae6cdf4b2cab50fb30f2443a70fdb
sem nada termos
simplesmente porque era de noite
e não dormíamos

301503
eu descia em teu peito
para me procurar
e antes que a escuridão
nos cingisse a cintura
ficávamos nos olhos
vivendo de um só olhar
amando de uma só vida

4305581

Mia Couto

A Demora

A Demora 

2582513

O amor nos condena:
demoras
mesmo quando chegas antes.
Porque não é no tempo que eu te espero.

252648

Espero-te antes de haver vida
e és tu quem faz nascer os dias.

dave-hare

Quando chegas
já não sou senão saudade
e as flores
tombam-me dos braços
para dar cor ao chão em que te ergues.

20070912_2137

Perdido o lugar
em que te aguardo,
só me resta água no lábio
para aplacar a tua sede.

2478825

Envelhecida a palavra,
tomo a lua por minha boca
e a noite, já sem voz
se vai despindo em ti.

soft_geometry_by_photoport (1)

O teu vestido tomba
e é uma nuvem.
O teu corpo se deita no meu,
um rio se vai aguando até ser mar.

get-art-nude_867

Mia Couto

ALGEMADA…

ALGEMADA…

screenshot-04_05_2013-2_19_22 stephane-coutelle1286

És saudade em leito todo desencontrado
Trazes tristeza ao meu pobre inconsciente
Do encanto da dama que te atravessas
Escuto tua voz latejando aos quatro ventos

stephane-coutelle1286

Onde há repouso do exílio em muitos arroubos
Por muitos climas que despertas minha chama
Acendendo os desejos guardados em memória
Transformando o tédio em chamas vermelhas

fp_isolated_by_mrkostas

Lá no infinito a recordação faz-se instalada
A explanação dum coração tão maltratado
Na trilha da linha parnasiana já reservada

sel_ilya-rashap-from-moscow-russia

Indiferente ao palpável mundo identificado
Correntes douradas em lençóis amassados
Inspiras as palavras explícitas num chamado

Luiza De Marillac 

em minha cama…

em minha cama…

883049

Quem é ela
Que se deita
Em minha cama
E te ama louca?

Mulher_sonhando_o_amor_2

Quem é ela
Que atravessa
Impossibilidade
Do nosso estar?

hysteria_by_devinwillow-d5nc89e

Quem é ela
Que rola e lambuza
Nossas cenas geniais
Adversária tão fugaz?

Vivienne_Mok_23

Quem é ela
Que te rouba
Que te perturba
Que te magnetiza

2569078

Quem é ela
Que joga xadrez
No tabuleiro enorme
Da paixão em primavera?

2192654

E me deixa em altíssimo verão…

147627

Luiza De Marillac 

Pranto Para Comover ……

dani_duq-de-vix-79

Os diamantes são indestrutíveis?
Mais é meu amor.
O mar é imenso?
Meu amor é maior,
mais belo sem ornamentos
do que um campo de flores.

Sérgio10
Mais triste do que a morte,
mais desesperançado
do que a onda batendo no rochedo,
mais tenaz que o rochedo.

2402236
Ama e nem sabe mais o que ama.

Adélia Prado )

Obsessão do Mar

41034

Vou andando feliz pelas ruas sem nome…

Que vento bom sopra do Mar Oceano!

Meu amor eu nem sei como se chama,

Nem sei se é muito longe o Mar Oceano…

1323792852_chero_14

Mas há vasos cobertos de conchinhas

Sobre as mesas… e moças na janelas

Com brincos e pulseiras de coral…

Búzios calçando portas… caravelas

Sonhando imóveis sobre velhos pianos…

153936

Nisto,

Na vitrina do bric o teu sorriso, Antínous,

E eu me lembrei do pobre imperador Adriano,

De su’alma perdida e vaga na neblina…

Mas como sopra o vento sobre o Mar Oceano!

132088

Se eu morresse amanhã, só deixaria, só,

Uma caixa de música

Uma bússola

Um mapa figurado

Uns poemas cheios de beleza única

De estarem inconclusos…

148130

Mas como sopra o vento nestas ruas de outono!

E eu nem sei, eu nem sei como te chamas…

Mas nos encontramos sobre o Mar Oceano,

Quando eu também já não tiver mais nome.

647166

. Mario Quintana 

Saudade

Saudade

                                                                                                                                                                             jennifer_ii_by_zzaniazz-d3co00y

Saudade é um pouco como fome.

Só passa quando se come a presença.

Mas às vezes a saudade é tão profunda que a presença é pouco:

quer-se absorver a outra pessoa toda.

Essa vontade de um ser o outro para uma unificação inteira é um dos sentimentos mais urgentes que se tem na vida.

575255

Clarice Lispector

SOU O QUE SOU

NAS NUVENS

Demora o jeito de olhar para as pessoas
Que você vai descobrir seus amigos de verdade.
( Padre Fábio de Melo )
Tem gente que faz
uma casa nas nuvens:
casa sem portas ou janelas,
aberta para o infinito.
29337_329092783865211_360219345_n
Em dias cinzentos ou tristes ,
basta uma escada de vento
para que se alcance a varanda.
1383654_543223175754307_168206638_n
Aí não existe nem passado
nem futuro,
e o tempo é uma teia azul
feita com a linha dos sonhos.
0b8c60b05d3cf33539dee6109d0df54b-d6obwob
Roseana Murray

SOU O QUE SOU

SOU O QUE SOU

800xdsc_09782
Sou tímida
                                                                                                                                                  Uso as palavras para me enganar
705623

Sou covarde

não dou um passo além da

linha demarcada

818c2e240964f4651ee889b37db7972f

Engano-me nesta fantasia

Quero ser outra

mas não desgrudo do

meu porto seguro

310341

Um porto vazio de sentimentos,

mas que me mantem algemada

27969

Quero ir ao encontro no novo ,

mas é tão difícil se desvencilhar do velho

1340288

Sou rebelde…

somente no papel.

84864
izilgallu

CHOVE DENTRO DE MIM

anatomie_by_lover_and_the_wild-d6iz8zs
No meu delírio desmedido,
tem comprimidos pelo chão,
febre repentina,
-cansaço de viver.
1
Tem termômetros na gaveta,
vontade de esquecer alguém,
que me esqueceu aqui
quando partiu.
543415
Tem sonhos pueris,
risos oprimidos,
buracos na alma por alguém,
que me fazia feliz.
Sérgio6
Falta lucidez pra continuar
me reinventar,
dar sentido a mim,
tentar esquecer
o quanto chove,
ainda dentro de mim
Sérgio2
Marcos tavares

Presença

Presença

542723

É preciso que a saudade desenhe tuas linhas perfeitas,
teu perfil exato e que, apenas, levemente, o vento
das horas ponha um frêmito em teus cabelos…

4305581

É preciso que a tua ausência trescale
sutilmente, no ar, a trevo machucado,
a folhas de alecrim desde há muito guardadas
não se sabe por quem nalgum móvel antigo…

2693608

Mas é preciso, também, que seja como abrir uma janela
e respirar-te, azul e luminosa, no ar.
É preciso a saudade para eu sentir
como sinto – em mim – a presença misteriosa da vida…

2674191

Mas quando surges és tão outra e múltipla e imprevista
que nunca te pareces com o teu retrato…
E eu tenho de fechar meus olhos para ver-te!

2290073

(Mario Quintana)

Falo de Ti às Pedras das Estradas
306011
Falo de ti às pedras das estradas, 
E ao sol que e louro como o teu olhar, 
Falo ao rio, que desdobra a faiscar, 
Vestidos de princesas e de fadas;  

c16cc8caf663a76a8bb164c600c7f3fb-d5y73s0

Falo às gaivotas de asas desdobradas, 
Lembrando lenços brancos a acenar, 
E aos mastros que apunhalam o luar 
Na solidão das noites consteladas; 

i_give_you_my__by_annesun-d5g8s7p

Digo os anseios, os sonhos, os desejos 
Donde a tua alma, tonta de vitória, 
Levanta ao céu a torre dos meus beijos! 

737

E os meus gritos de amor, cruzando o espaço, 
Sobre os brocados fúlgidos da glória, 
São astros que me tombam do regaço! 

Florbela Espanca,

CONTEMPLO O LAGO

CONTEMPLO O LAGO…

 
 
Contemplo o lago mudo
Que uma brisa estremece.
Não sei se penso em tudo
Ou se tudo me esquece.
 
 
O lago nada me diz, 
Não sinto a brisa mexê-lo.
Não sei se sou feliz,
Nem se desejo sê-lo.
 
 
Trêmulos vincos risonhos
Na água adormecida.
Por que fiz eu dos sonhos
 A minha única vida?
 
 
~Fernando Pessoa ~
copiado de aquarelasesonhos.blogspot.com.br

 

Summer_Skin__by_pinkparis1233

Quero uma solidão, quero um silêncio,
uma noite de abismo e a alma inconsútil,
para esquecer que vivo – libertar-me

1221763529M6H6B2f

das paredes, de tudo que aprisiona;
atravessar demoras, vencer tempos
pululantes de enredos e tropeços,

2671701

quebrar limites, extinguir murmúrios,
deixar cair as frívolas colunas
de alegorias vagamente erguidas.

miasteczko_pana_andersena_by_absentii-d5t89jh

Ser tua sombra, tua sombra, apenas,
e estar vendo e sonhando à tua sombra
a existência do amor ressuscitada.

1383654_543223175754307_168206638_n

Falar contigo pelo deserto.

                              Cecilia Meireles   

Sensual_by_weight0ftheworld modified

 

Teu amor entrou na minha vida
Violentamente,
Como um sopro de vento
Abrindo a janela de repente.

footfall_by_nataliadrepina-d59fc5t modified
Teu amor desarrumou meu destino
Arrancou da parede
Velhos retratos queridos,
E quebrou uma jarra
No canto da minha alma
Cheia de rosas,
Cheia de sonhos…
Depois…

were_are_all_the_singing_birds_by_holunder-d5iisxy
Teu amor saiu da minha vida de repente
Como um sopro de vento
Fechando uma porta,
Violentamente.

2debba8c139202608b54aa99b2e855b9-d5gckqe modified

Carlos Drummond de Andrade

 

1238376_543223759087582_250999767_nOlhando o mar, sonho sem ter de quê. 
Nada no mar, salvo o ser mar, se vê. 
Mas de se nada ver quanto a alma sonha! 
De que me servem a verdade e a fé? 
mar e marés 076
Ver claro! Quantos, que fatais erramos, 
Em ruas ou em estradas ou sob ramos, 
Temos esta certeza e sempre e em tudo 
Sonhamos e sonhamos e sonhamos. 
super_moon_imposition_2013_by_maddyfarfan-d72jfvu
As árvores longínquas da floresta 
Parecem, por longínquas, estar em festa. 
Quanto acontece porque se não vê! 
Mas do que há pouco ou não há o mesmo resta. 
3_by_anna_belash-d51f3ka
Se tive amores? Já não sei se os tive. 
Quem ontem fui já hoje em mim não vive. 
Bebe, que tudo é líquido e embriaga, 
E a vida morre enquanto o ser revive. 
278604
Colhes rosas? Que colhes, se hão-de ser 
Motivos coloridos de morrer? 
Mas colhe rosas. Porque não colhê-las 
Se te agrada e tudo é deixar de o haver? 
2212764o
Fernando Pessoa 

 

Nuvem de tags